Artigo

Banca em Análise 2013

Os desafios do presente são as bases do futuro

Com interesse

 

É com enorme prazer que apresentamos a 8ª edição do estudo Banca em Análise. Esta iniciativa é resultado da compilação e análise das informações financeiras dos bancos que operam em Angola e pretende oferecer aos agentes económicos uma reflexão sobre os desafios do presente, a evolução da economia e uma antecipação do futuro.

Em 2012 voltámos a observar o crescimento do sector bancário nacional, em resposta ao investimento realizado pelos agentes do sector em anos recentes. Um dos aspectos mais relevantes foi o aumento expressivo do crédito a clientes, na ordem dos 26%. Para este facto contribui a confiança no Kwanza, reforçada pela estabilidade cambial, que tem sido fundamental para a prossecução de uma política de desenvolvimento do crédito concedido em moeda
nacional.

Não obstante este resultado positivo, verificou-se uma redução da rendibilidade, natural num mercado em amadurecimento. Para este facto contribuem diversas causas, associadas aos investimentos que os bancos estão a fazer nos seus processos de expansão e de crescimento orgânico, mas também a um mercado em evolução. O estreitamento da margem financeira e o aumento das provisões para crédito concedido são elementos novos, para os quais o sistema bancário está a encontrar respostas.

Os resultados atrás referidos são alcançados num momento em que a economia angolana acelerou o seu ritmo de crescimento, passando dos 3,4% apresentados em 2011, para cerca de 8% em 2012. São sinais da vitalidade e do progresso de Angola, que se mantém na rota do crescimento sustentado, procurando o acesso aos mercados financeiros internacionais e a credibilidade necessária para a estabilidade do sistema financeiro e da moeda.

Mas olhar apenas para dentro não é suficiente para preparar o futuro. É importante observar o mercado e reflectir sobre o envolvimento global. A economia mundial, muito fragilizada, ainda não estabilizou e os mercados emergentes registaram algum abrandamento. Em Angola, os desafios do crescimento económico estão associados à diversificação da economia e à aceleração do processo de inclusão financeira, um termo cada vez mais familiar. São estes os processos que vão permitir o fortalecimento do sistema financeiro a médio/longo prazo.

Os desafios do presente serão, sem dúvida, as bases do futuro.

 

Rui Santos Silva
Country Managing Partner

 

Media Partner

 

 

Deloitte lança 8ª edição do estudo Banca em Análise
 

No passado dia 24 de Outubro, a Deloitte lançou a 8ª edição do estudo Banca em Análise, num evento dedicado ao sector bancário, onde foi apresentado o resultado final de uma análise à performance do sector financeiro angolano durante o ano de 2012. 

A iniciativa anual, decorreu no Hotel Epic Sana Luanda e reuniu mais de 250 convidados das mais prestigiadas instituições bancárias.

Veja aqui as fotografias do evento.

Did you find this useful?