Pesquisas

Football Money League 2018

O mundo dos negócios do futebol

A 21ª edição do relatório traz uma análise independente do desempenho financeiro dos clubes de futebol com as maiores receitas do mundo.

A receita combinada dos 20 clubes de futebol mais ricos do mundo subiu 6%, alcançando um valor inédito de € 7,9 bilhões na temporada 2016/17. Os três primeiros clubes du ranking, Manchester United, Real Madrid e FC Barcelona, obtiveram uma receita recorde de € 2 bilhões juntos.

Um lugar no top 20 exige hoje um faturamento de aproximadamente € 200 milhões, um aumento de 16% em relação ao ano passado e o dobro do valor necessário para entrar no ranking da edição de 2010 da Money League.

Clubes europeus dominam o ranking 

O Manchester United manteve o primeiro lugar da classificação pelo segundo ano consecutivo, com um faturamento total de € 676 milhões. Apenas € 1,7 milhões separaram o time inglês do Real Madrid, que ficou com a segunda colocação - com uma receita de € 674,6 milhões na temporada 2016/2017. O também espanhol FC Barcelona garantiu a terceira colocação, € 648,3 miilhões. 

Todas as equipes do ranking deste ano são europeias, sendo dez clubes da Premier League inglesa. A Inglaterra é assim o país com mais representantes no Top 20. O Southampton fez sua estréia na Money League, no 18° lugar, enquanto o Manchester City consolidou seu lugar nos cinco primeiros colocados.

Você achou útil?