Pesquisa

Perspectivas para o setor de seguros 2022

A transformação digital e de talentos acelera à medida que as seguradoras se adaptam ao crescimento pós-pandemia

Estudo da Deloitte aponta que, apesar das preocupações contínuas com a pandemia, as seguradoras em geral esperam um crescimento mais rápido no próximo ano.

As seguradoras geralmente se caracterizam como as primeiras respostas financeiras da economia, ajudando os segurados a responder e se recuperar de alguns dos momentos mais desafiadores de suas vidas, pagando para reparar ou substituir propriedades danificadas e cobrir suas responsabilidades. 

A confiança distingue e eleva empresas como seguradoras, conectando-as ao “bem comum”, de acordo com a pesquisa global "Perspectivas para o setor de seguros 2022", da Deloitte, que relaciona confiança com prosperidade econômica. Seja lidando com clientes, reguladores, investidores ou funcionários, as seguradoras provavelmente se beneficiarão de iniciativas de construção de confiança no curto e no longo prazo.

Perspectivas para o setor de seguros 2022

Mensagens-chave da pesquisa:

  • Apesar das preocupações persistentes sobre as variantes do COVID-19, a maioria das seguradoras que responderam à pesquisa de perspectivas globais da Deloitte espera pegar carona em uma recuperação econômica acelerada e investimentos adicionais em tecnologia digital para gerar um crescimento significativo em 2022.
  • Líderes de seguros devem enfrentar vários desafios no próximo ano, além dos esforços contínuos para se adaptar às consequências da pandemia. Eles variam de obstáculos econômicos, como inflação; às preocupações de sustentabilidade, incluindo risco climático, diversidade e inclusão financeira; às preferências de compra e produtos do consumidor em rápida evolução.
  • As considerações sobre o futuro do trabalho também se multiplicaram à medida que as operadoras buscam criar estratégias flexíveis de retorno ao escritório em tempo real, ao mesmo tempo em que lutam para reter e recrutar talentos de alto nível durante o que pode ser o mercado de trabalho mais competitivo do mundo, principalmente para aqueles com tecnologia avançada e habilidades de dados.
  • As seguradoras estão cada vez mais dependentes de tecnologias emergentes e fontes de dados para impulsionar a eficiência, aprimorar a segurança cibernética e expandir os recursos em toda a organização. No entanto, a maioria também deve se concentrar em melhorar a experiência do cliente, simplificando os processos com automação, além de fornecer serviços personalizados quando necessário.
  • Em um nível mais fundamental, muitas operadoras também devem tomar medidas para aumentar a confiança entre as partes interessadas, sendo mais transparentes na maneira como coletam e usam dados pessoais, além de mais proativas na busca de soluções abrangentes para problemas sociais gerais, como mitigar o impacto financeiro de futuras pandemias e catástrofes naturais.
Você achou útil?