Pesquisa

Relatório Global de Sustentabilidade 2022

A desconexão entre ambição e impacto

Pesquisa global da Deloitte entrevistou mais de 2.000 pessoas executivas C-level em 21 países para examinar as preocupações e ações de líderes empresariais em relação às mudanças climáticas e à sustentabilidade ambiental.

As organizações estão lutando para incorporar a sustentabilidade de forma intensa em suas estratégias de negócios, operações e cultura. O relatório explora ainda mais a desconexão entre ambição e impacto, bem como os processos que CxOs (Chief Experience Officer) podem começar a investir para reverter o atual cenário.

Um ponto de inflexão para as mudanças climáticas

De acordo com o estudo, 89% dos CxOs concordam que há uma crise climática e quase 79% das pessoas entrevistadas avaliam que suas organizações estão com ausência de clareza para responder às mudanças climáticas, em comparação com 59% há oito meses do levantamento.

Apesar da gravidade do momento, prevalece um sentimento de otimismo cauteloso: 88% atualmente concordam que, com ação imediata, pode-se barrar danos.

As mudanças climáticas estão impactando os negócios

Noventa e sete por cento das organizações sentiram o impacto das mudanças climáticas, incluindo interrupções operacionais e na cadeia de suprimentos, além da incerteza regulatória e aumento da ansiedade de seus profissionais.

Pressão crescente para agir

Os stakeholders esperam cada vez que as pessoas executivas lidem com as mudanças climáticas – isso inclui a pressão vinda dos órgãos reguladores, conselhos, clientes, acionistas e profissionais.

As organizações estão agindo, mas é suficiente?

Há progresso: 53% delas têm pessoas atuando na área de sustentabilidade, 67% planejam ser net-zero até 2030 ou antes, 55% estão reduzindo as viagens áreas. Contudo, um terço não realizou mais do que uma das cinco ações que a análise da pesquisa identifica como “práticas para alcançar o objetivo”.

Líderes compartilham lições aprendidas

As organizações líderes que implementaram pelo menos quatro das cinco ações de “alcance do objetivo” estão ganhando benefícios da sustentabilidade e consequentemente incorporando-os às suas atividades.

Visão brasileira

Assim como líderes globais, a preocupação com mudanças climáticas aumentou significamente nos últimos meses para CxOs brasileiros: 83% das pessoas entrevistadas afirmam que veem o mundo em um ponto de inflexão nas respostas sobre a questão em comparação com apenas 68% há oito meses.

Os dados do estudo mostram que CxOs brasileiros estão entre os três primeiros países pesquisados que foram diretamente afetados por eventos climáticos. Eles têm vistos mais alterações em comparação a outros países, citando calor extremo, escassez de água e incêndios florestais como os principais impactos. São também mais propensos do que CxOs globais a sofrerem secas severas e aumento do nível do mar.

Apesar da gravidade do momento, prevalece o sentimento de otimismo, já que 89% atualmente concordam que, com ação imediata, é possível limitar impactos danosos das mudanças climáticas.

Os CxOs brasileiros dizem ainda que suas organizações estão mais preocupadas com as mudanças climáticas do que a média global, colocando-as entre os 10 países pesquisados. A maioria está focada em incorporar o clima em suas estratégias e operações nos próximos três anos.

Sobre as ambições e práticas positivas, CxOs brasileiros, de certa forma, estão mais avançados do que a média global e provavelmente implementarão algumas ações mais difíceis definidas pela pesquisa.

Abaixo descubra as perspectivas exclusivas da liderança brasileira. Preencha o formulário, com o relatório (em inglês) que consolida respostas de 127 pessoas executivas locais. Entenda como as organizações deverão se posicionar no combate às mudanças climáticas

Essa função está desabilitada.Altere suas preferências de cookies de mapeamento e personalização para ver esse conteúdo

Relatório Global de Sustentabilidade 2022

A não ser que você sinalize seu interesse por receber outros conteúdos da Deloitte, os dados capturados neste formulário serão utilizados apenas para envio do material em questão e para análises estatísticas internas.

Saiba mais
O Climate Exchange é um hub global da Deloitte que conecta a comunidade e clientes a uma seleção de insights, eventos e discussões da COP26. A iniciativa demonstra o protagonismo da Deloitte em relação a temática climática e sustentável, refletindo os princípios do programa WorldClimate.

Você achou útil?