Pesquisas

CIO Survey 2018-2019

A manifestação do legado: Visão para além da era digital

A pesquisa “CIO Survey 2018/2019”, conduzida globalmente pela Deloitte com 1.437 líderes de tecnologia – 124 deles atuantes no Brasil –, identificou quais as habilidades esperadas dos profissionais e as evoluções pelas quais a área passará no futuro próximo.

Principais resultados

1. CIO como cocriador de negócios
À luz da transformação digital, o profissional de TI espera destinar uma parcela maior de seu tempo (dos 37% atuais para 72% idealmente) a se tornar um cocriador de negócios, indo além das funções de operador confiável e de instigador de mudanças.

2. Força do capital humano em TI
Construir equipes de alto desempenho e entregar uma grande mudança organizacional estão entre as principais habilidades necessárias para o sucesso do CIO no futuro. Esse resultado indica que os CIOs esperam atuar de forma ainda mais abrangente e integrada com outras áreas para o fortalecimento da estratégia de negócios da organização.

3. Integração dos investimentos
Em menos da metade das empresas pesquisadas no Brasil as áreas de negócios e de TI possuem processos conjuntos de investimentos. Entre os executivos entrevistados no País, apenas 38% indicaram ter processos de investimento em TI bem definidos. Esse resultado indica que os CIOs têm a oportunidade de serem mais diligentes no estabelecimento da governança do investimento em tecnologia. Apesar dos desafios do cenário econômico brasileiro, 40% dos entrevistados no Brasil esperam aumentar o seu orçamento destinado a inovação.

4. Novo perfil para o líder de tecnologia
Para conduzir a transformação da área de TI e assumir um papel mais estratégico e integrado na organização, novas habilidades – como flexibilidade cognitiva, inteligência emocional e criatividade tendem a ser as mais buscadas pelas lideranças nos próximos três anos. Isso indica um papel mais negociador e com foco nas habilidades pessoais para que o profissional de TI possa potencializar o ganho técnico advindo com os novos sistemas e processos.

5. Modernizar para inovar
A modernização dos sistemas legados de Enterprise Resource Planning (ERP) para novas gerações é a principal área de foco em relação a plataformas corporativas entre as organizações entrevistadas no Brasil. Este foco na modernização dos ERPs existentes é importante para que as empresas possam obter agilidade para inovar e escalar. No entanto, os CIOs devem expandir seus esforços de modernização considerando iniciativas de digitalização de finanças, de redes de suprimento digital e de serviços globais do negócio.

6. Tecnologias emergentes
As tecnologias emergentes nas quais os CIOs mais pretendem investir nos próximos três anos são inteligência artificial, Internet das Coisas e automação robótica de processos.

Você achou útil?