Artigo

Deloitte lança o estudo European Tax Survey

Transparency, simplification and collaboration

A Deloitte desenvolve anualmente o estudo European Tax Survey, com o intuito de compreender quais são as principais tendências na área fiscal ao analisar e resumir a opinião de um conjunto de empresários e gestores. Participaram neste estudo 940 empresas da região da Europa, Médio Oriente e África, sendo 28 portuguesas.

Este ano, o estudo revela as seguintes conclusões:

  • 71% dos portugueses considera as alterações à legislação fiscal a sua principal preocupação. Para 57% e 53% dos inquiridos uma maior simplificação do sistema fiscal e uma maior segurança jurídico-fiscal seriam as medidas de maior impacte positivo;
  • 82% dos inquiridos considera que existe uma elevada incerteza fiscal em Portugal devido às alterações frequentes à legislação (69%), ao tempo para resolução das disputas fiscais (41%) e às posições tomadas e abordagem das autoridades fiscais portuguesas (36%);
  • 66% dos portugueses inquiridos confirmaram ter uma boa relação com as suas autoridades fiscais;
  • 48% dos inquiridos em Portugal entendem que existe um nível mais elevado de escrutínio e discussão no que respeita à estratégia fiscal corporativa das suas organizações;
  • 57% e 79% dos inquiridos na EMEA e em Portugal, respetivamente, não iniciaram ainda qualquer planeamento de eventuais alterações que sejam suscitadas pelo BEPS.

Conheça em detalhe o European Tax Survey e  a versão completa do a versão completa do  relatório global para a região EMEA, em língua inglesa.

Did you find this useful?