Challenge IT

Artigo

Ainda tens dúvidas?

Consulta as nossas FAQs

Quais os objetivos do programa?

O programa BrightStart tem como principal foco preparar os jovens estudantes para os desafios reais do mercado de trabalho e desenvolver as suas competências-chave, através da resolução de projetos de inovação tecnológica. 

 

A quem se destina?

O BrightStart é um programa dirigido a jovens finalistas do ensino secundário. Os candidatos selecionados terão as propinas asseguradas pela Deloitte ao longo de todo o curso e, adicionalmente, serão remunerados com uma bolsa mensal pela sua participação nos projetos da Deloitte. 

 

Como funciona o processo de seleção?

A participação no programa está sujeita a um processo de seleção definido e implementado pelas entidades gestoras do programa (Deloitte e respetivos Politécnicos). Após a candidatura, os estudantes são selecionados através de uma dinâmica de grupo, uma entrevista com um Manager e com um Sócio da Deloitte.

 

Porque se devem candidatar os estudantes?

Para os finalistas do ensino secundário esta é uma oportunidade para desenvolverem competências-chave e potenciarem o seu futuro profissional. Ao participarem neste programa terão acesso a uma experiência profissional real, colaborando com equipas especialistas da Deloitte para responder a projetos e desafios reais do mercado de trabalho.

 

Qual a duração do programa?

A duração do programa é de 5 anos, durante os quais os alunos têm oportunidade de concluir uma licenciatura na área de Tecnologia Informática, estando esta experiência profissional alinhada com o calendário académico.

  

Quais as áreas de formação do programa?

O plano de formação centra-se na área das Tecnologias Informáticas, incluindo unidades curriculares como: Programação, Tecnologias de Mercado, Tecnologias Emergentes, metodologias ágeis de desenvolvimento de software, entre outros.

 

Como se divide a componente académica e profissional? 

O programa BrightStart prevê, numa fase inicial, uma maior dedicação à vertente de estudo que ao longo do programa é reduzida em prol do aumento da componente de estágio profissional. O programa foi desenhado de forma a garantir uma dedicação de 40h semanais. 

 

Como é feita a atribuição das bolsas de estudo e qual o valor? 

A Deloitte atribui uma bolsa de estudo a cada aluno, que se destina a suportar as propinas, bem como as taxas de inscrição no curso, durante a participação no programa. O valor da bolsa é progressivo de acordo com o aumento das horas dedicadas à vertente profissional e aos desempenhos académico e profissional atingidos. 

 

Que tipo de projetos são desenvolvidos durante a formação?

Os estudantes que integrarem este programa irão desenvolver competências práticas em ambiente real, de cariz tecnológico, integrando os projetos que a Deloitte considerar mais adequados para o desenvolvimento de competências práticas, e devidamente acompanhados por profissionais experientes. 

Achou esta informação útil?