Pesquisa

Global automotive consumer study 2021

Rastreando as principais mudanças na indústria automotiva

A incerteza e as preocupações financeiras impulsionadas pela Covid-19 continuam a ter um impacto na mobilidade do consumidor e no setor automotivo global. Existem muitos obstáculos que a indústria automotiva precisa enfrentar ao lidar com a mudança na mentalidade dos consumidores em relação à adoção e compra de tecnologia.

Por mais de uma década, a Deloitte tem desenvolvido o relatório "Global automotive consumer study", que explora os comportamentos e tendências do consumidor que impactam o ecossistema automotivo global para auxiliar no enfrentamento desses obstáculos. 

2021 Global automotive consumer study

Transformação digital na indústria automotiva

De setembro a outubro de 2020, a Deloitte entrevistou mais de 24 mil consumidores em 23 países para explorar opiniões sobre uma variedade de questões críticas que afetam o setor automotivo, incluindo o desenvolvimento de tecnologias avançadas, as implicações da pandemia nas percepções do consumidor e o impacto das plataformas de varejo automotivo digital.

O "Global Automotive Consumer Study 2021" fornece informações importantes que podem ajudar as empresas a priorizar e posicionar melhor suas estratégias de negócios e investimentos no próximo ano. Veja abaixo alguns destaques do estudo:

Veículos elétricos (VEs) ainda têm alguns obstáculos para superar

Embora a tendência de longo prazo para veículos elétricos pareça estar se solidificando, os consumidores podem estar procurando por mais familiaridade e acessibilidade diante da incerteza de curto prazo.

Consumidores mais jovens estão sentindo a pressão?

A porcentagem de consumidores jovens nos Estados Unidos e na Alemanha que solicitaram o adiamento do pagamento de um veículo está bem acima da porcentagem de consumidores mais velhos, levantando questões sobre sua capacidade de suportar uma recuperação sustentada da demanda.

Risco de baixa demanda em alguns mercados

Como resultado da pandemia, um número significativo de consumidores na China, Índia e Coreia alterou seu cronograma para adquirir seu próximo veículo, com algumas pessoas planejando adiá-lo por considerarem opções mais acessíveis.

Vendas de veículos online? Não tão cedo

Mesmo que as vendas virtuais de veículos tenham vindo para ficar, a maioria dos consumidores ainda prefere adquirir seu próximo veículo pessoalmente em uma concessionária autorizada, já que alguns aspectos do processo de compra permanecem difíceis de digitalizar.


Para obter mais detalhes sobre as tendências emergentes da indústria automotiva, baixe o relatório completo.

Você achou útil?