Artigo

CFO Survey 2022 Spring

O conflito na Europa está a impactar fortemente as empresas, o que é evidente na 15ª edição do Deloitte European CFO Survey.

O clima de incerteza relatado pelos CFO’s europeus atingiu um nível sem precedentes desde o início deste inquérito, em 2015, devido à invasão russa da Ucrânia e aos impactos remanescentes da pandemia de Covid-19, tais como as ruturas da cadeia de abastecimento e o aumento da inflação.

Tal como os CFO’s europeus, os homólogos portugueses estão, agora, menos confiantes em relação às perspetivas financeiras das suas empresas e mais cautelosos em relação à aceitação de riscos desnecessários que desequilibrem as suas empresas.

Apesar do atual contexto económico, os CFO’s em Portugal não se deixam assustar, concentrando-se na digitalização, no crescimento orgânico, na evolução dos mercados existentes e em estratégias de redução de custos que lhes serão úteis para estes tempos de incerteza.

Esperamos que as conclusões deste inquérito o ajudem a planear novos métodos de atuação e a estabelecer prioridades de negócio para os próximos meses.

 
Achou esta informação útil?