Deloitte-tech-trends-2020

Pesquisas

Tech trends 2020

Tendências tecnológicas que impactarão os negócios nos próximos dois anos

Apresentamos o Tech Trends 2020, a 11a edição do estudo anual da Deloitte, que oferece insights e inspiração necessárias para sua jornada digital. Enquanto várias tendências deste ano são respostas a desafios persistentes de TI, outras representam dimensões específicas da tecnologia de oportunidades para empresas maiores. Todas estão prontas para conduzir mudanças significativas.

Com base nas informações das principais organizações do mundo, de expoentes acadêmicos do setor e de startups, de capitalistas de risco e provedores de tecnologia, além dos especialistas no assunto da Deloitte, o Tech Trends 2020 explora as principais tendências, compartilha exemplos de empresas na linha de frente e ainda faz uma avaliação do que pode vir – além do próximo horizonte.

Tech Trends 2020

Saiba mais sobre as tendências que impactarão as organizações pelos próximos meses

Forças macro de tecnologia – A primeira tendência traz uma atualização da adoção das nove forças de macroeconomia examinadas no relatório do ano passado (experiência digital, analytics, nuvem, modernização central, riscos, negócios de tecnologia, realidade digital, cognitiva e blockchain) e ainda identifica três tecnologias que provavelmente se tornarão forças macro: experiência ambiental, inteligência exponencial e quântica.

Tecnologia ética e confiança – Os líderes estão reavaliando como seus produtos, serviços e decisões (com relação à gestão de dados, construção de um ecossistema de parceiros e treinamento de funcionários, por exemplo) constroem a confiança. Aqueles que incorporam valores organizacionais e ética tecnológica em toda a organização estão demonstrando um compromisso de “fazer o bem” que pode construir uma base de confiança de longo prazo com as partes interessadas.

Finanças e o futuro de TI – À medida que a tecnologia se tornou cada vez mais uma parte essencial da estratégia de negócios das organizações, é esperado que, cada vez mais, líderes de TI e finanças trabalhem juntos. Seja para apoiar a inovação, defender-se contra disrupções ou ativar a transformação digital, a TI precisará do suporte financeiro para repensar efetivamente a governança da inovação tecnológica, adaptar-se às metodologias Agile e garantir capital criativo.

Gêmeos digitais: conectando o físico e o digital – Organizações que fazem a transição da venda de produtos para a venda de produtos e serviços em pacote, ou a venda como serviço, estão aumentando o uso de gêmeos digitais. À medida que os recursos e a sofisticação crescem, pode-se esperar que mais organizações usem gêmeos digitais para otimizar processos, tomar decisões orientadas por dados em tempo real e projetar novos produtos, serviços e modelos de negócios. A longo prazo, cumprir toda a promessa de gêmeos digitais pode exigir a integração de sistemas e dados em ecossistemas inteiros.

Plataformas de experiência humana – Uma classe crescente de soluções com base em IA (denominadas “computação afetiva” ou “IA emocional”) estão redefinindo a maneira como experimentamos a tecnologia. A capacidade de potencializar plataformas emocionalmente inteligentes a fim de reconhecer e utilizar dados emocionais em grande escala é uma das maiores e mais importantes oportunidades para as empresas no futuro.

O despertar da arquitetura – Um número crescente de líderes de tecnologia e executivos da alta diretoria está reconhecendo que investir em arquitetos e arquitetura de tecnologia, promovendo seu valor estratégico em toda a empresa pode transformar essa função de TI em um diferencial competitivo na economia digital.

Horizonte a seguir: um olhar futuro sobre as tendências

Existe um interesse crescente entre as empresas em olhar não somente para as novidades, mas além. De fato, faz sentido: uma compreensão do que está por vir pode influenciar o planejamento antecipado e propiciar relacionamentos que possibilitem colher recompensas futuras.

Em um mundo de incógnitas aparentemente infinitas, é possível concentrar a atenção em uma coleção significativa de tecnologias que, juntas, podem ajudar a traçar um caminho para o próximo horizonte.

Você achou útil?