Análises

Perspectivas de inovação para a indústria de mineração na América Latina 

Estudo da Deloitte apresenta iniciativas de inovação das empresas de mineração da América Latina, inseridas no cenário mundial

O futuro das empresas de mineração depende de inovação – para aumentar seu valor de mercado e impulsionar os negócios. Apesar de apresentar progressos significativos nos últimos anos, o setor ainda precisa de mais consistência nesta área.

Em parceria com o IBRAM - Instituto Brasileiro de Mineração - a Deloitte entrevistou 17 empresas da cadeia de mineração em seis países: Brasil, Argentina, Chile, Colômbia, México e Peru. O objetivo é mensurar as iniciativas de inovação das mineradoras, com foco nos desafios específicos da América Latina, e apontar como as empresas podem endereçar as lacunas em suas capacidades de inovação.

De acordo com o estudo da Deloitte, a indústria de mineração da região está no caminho certo para se tornar mais eficiente pela inovação, o que tem, efetivamente, gerado valor às empresas. No entanto, as ações precisam ser pensadas para a obtenção de benefícios mais perenes. A inovação deve ser vista como um fator de melhoria das condições de produção, envolvendo a relação com as comunidades e, consequentemente, a garantia de lucros permanentes.

Você achou útil?